Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
NOTÍCIAS
Concursos
Copa do Mundo 2010
Política
Reportagem Especial
Policial
Regional
Estadual
Nacional
O Mundo
Economia
Educação
Meio Ambiente
Saúde
Esporte
Local
CANAIS
Alto Astral
Turismo
Reflexão
Dicas e Truques
Editais
Artigos
Parábola
Telefones Úteis
Eventos
Horóscopo
Culinária
Poesias
Piadas
Aniversariantes
Contas Públicas
LINK'S
Micks Informática
Vilson Nunes
Farol da Cidade
Joaquim José Show
Folha do Vale
Sudoeste Bahia
Blog Tiago Marques
Pref. de Guanambi
Alô Cidade
Lobo Mau
Blog do Latinha
Caetfest
Iguanambi
Twitter Trib.Popular
Face Tribuna Popular
REDEINTERSOFT.COM
a-Bahia.com
Portal Pindai
Portal Montes Claros
 
a a a
 
Governo baixa tributo para tentar evitar alta do preço da gasolina
 
Quinta, 04 de Fevereiro de 2010  
 

Incidência da Cide cairá de R$ 0,23 para R$ 0,15 por litro.
Custo da medida para os cofres públicos será de R$ 91 milhões.

 

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta quarta-feira (3) a redução da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) a partir da próxima sexta-feira (5) para tentar impedir o aumento de cerca de 4% no preço final da gasolina. A medida, que vale até o dia 30 de abril, custará R$ 91 milhões aos cofres públicos.

A mudança no tributo é uma forma de compensar a recente redução da mistura de álcool na gasolina – a concentração diminuiu de 25% para 20%. "Eu queria anunciar a redução da Cide sobre a gasolina em R$ 0,08 [por litro]. Hoje, a Cide é de R$ 0,23 e nós estamos reduzindo para R$ 0,15", disse o ministro.

Mantega afirmou que a mudança na Cide é uma mudança normal, que já foi adotada em anos anteriores. "Em 2008, quando houve a elevação do preço da gasolina, [e] reduzimos a Cide. Em 2009, foi o contrário", lembrou.

Preços livres

O ministro lembrou, porém, que os postos de combustíveis são livres para determinar o preço cobrado dos consumidores. "O mercado de gasolina é livre. Estamos garantindo o preço estável nos produtores. Espero que os preços sejam mantidos", disse ele. O ministro disse que os consumidores podem verificar os preços antes de abastecer e procurar os mais baratos.

"Mantemos a estabilidade do preço da gasolina. Ficará R$ 0,10 a menos [mais barato] com o ICMS. Com essa mudança, o preço subiria cerca de R$ 0,10. Com o que estamos fazendo [redução da Cide], cairá R$ 0,10 [e o preço ficaria estável nos produtores]", disse Mantega. Segundo o ministro, o ICMS, que é de cerca de R$ 0,025 por litro, está embutido na Cide.

 

g1


 
 
Untitled Document
 Deixar um comentário
Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
Fones: (77) 9 9962-1243 e 9 8827-5702
Editora Tribuna Popular LTDA - Avenida Presidente Castelo Branco, 96, Centro, Guanambi-Ba.