Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
NOTÍCIAS
Concursos
Copa do Mundo 2010
Política
Reportagem Especial
Policial
Regional
Estadual
Nacional
O Mundo
Economia
Educação
Meio Ambiente
Saúde
Esporte
Local
CANAIS
Alto Astral
Turismo
Reflexão
Dicas e Truques
Editais
Artigos
Parábola
Telefones Úteis
Eventos
Horóscopo
Culinária
Poesias
Piadas
Aniversariantes
Contas Públicas
LINK'S
Micks Informática
Vilson Nunes
Farol da Cidade
Joaquim José Show
Folha do Vale
Sudoeste Bahia
Blog Tiago Marques
Pref. de Guanambi
Alô Cidade
Lobo Mau
Blog do Latinha
Caetfest
Iguanambi
Twitter Trib.Popular
Face Tribuna Popular
REDEINTERSOFT.COM
a-Bahia.com
Portal Pindai
Portal Montes Claros
 
a a a
 
Flu goleia o Vitória e depende de si para escapar da degola na última rodada
 
Domingo, 29 de Novembro de 2009  
 
Com gols de Alan, Fred e Conca (2), Tricolor faz o seu papel e se beneficia de tropeço dos rivais para permanecer na elite do futebol brasileiro em 2010

O Fluminense deu um passo importante para permanecer na Série A do Campeonato Brasileiro ao bater o Vitória por 4 a 0, na tarde deste domingo, no Maracanã. Aproveitando o apoio dos torcedores e o tropeço dos rivais, o Tricolor marcou dois gols em dois minutos e deixou a zona de rebaixamento da competição (é o 15º colocado) , local que frequentava desde a décima rodada do torneio nacional. Fred, Alan e Conca (2) marcaram os gols do time das Laranjeiras.

Os tropeços de Botafogo e Coritiba, que foram derrotados por Atlético-PR (1 a 0) e Cruzeiro (4 a 1), respectivamente, ajudaram o Tricolor a sonhar e a depender apenas de si para permanecer na elite do futebol brasileiro. Com 45 pontos, um a mais do que o Coxa, adversário da última rodada, dia 6, no Couto Pereira, e do que o Alvinegro carioca, a equipe das Laranjeiras deu esperanças ao seu torcedor. O Vitória vai encarar o Goiás no Barradão.

Empolgados com o resultado, os tricolores mandaram um recado à LDU, adversário da próxima quarta-feira, pela segunda partida das finais da Copa Sul-Americana. No jogo de ida, o Fluminense foi goleado por 5 a 1, em Quito. Neste domingo, o placar foi semelhante ao que o time precisa para se sagrar campeão do torneio.

- LDU, pode esperar, a sua hora vai chegar - cantavam os tricolores nas arquibancadas do Maracanã.

Com início avassalador, Flu abre dois gols de vantagem na etapa inicial

O Fluminense não deu tempo nem para o Vitória se arrumar em campo. Aos quatro minutos, após uma ótima jogada trabalhada no campo dos baianos, Alan recebeu um ótimo passe entre os zagueiros, ajeitou para a canhota e chutou para abrir o marcador. O gol causou um baque nos visitantes, e o segundo saiu um minuto depois. Fred percebeu o goleiro Gleguer mal colocado e bateu de fora da área para marcar: 2 a 0. 

Após os gols, o Vitória botou ordem na casa e passou a tocar a bola, tentando evitar o pior. Aos 11, Leandrão cruzou da esquerda na cabeça de Leandro Domingues. O jogador subiu mais do que a defesa do Fluminense e cabeceou rente ao gol de Rafael, que apenas torceu para não sofrer o gol. Três minutos depois, Nino recebeu pelo lado direito e soltou uma bomba. A bola estourou na trave do time tricolor.

O Vitória seguiu mais perigoso e voltou a assustar aos 16. Ramon cobrou falta da intermediária na cabeça de Magal. O jogador acertou a bola com força e obrigou Rafael a fazer uma ótima defesa, evitando o primeiro gol dos baianos. A partida caiu de produção, e as duas equipes passaram a errar passes sucessivos e a cometer muitas faltas.

O Fluminense tentava matar o jogo nos contra-ataques. Porém, os passes equivocados atrapalhavam a tentativa tricolor. Aos 37, Ramon cobrou falta e a bola passou raspando o travessão de Rafael. No último minuto da etapa final, Vanderson arriscou de fora da área, e Rafael fez uma linda defesa.

Conca marca duas vezes e sacramenta vitória tricolor

O Fluminense iniciou a etapa final mostrando um futebol bem superior ao mostrado no fim do primeiro tempo. Aos cinco, Maurício aproveitou a sobra e soltou a bomba da intermediária. O goleiro Gleguer fez a defesa. O Vitória assustou os cariocas com um chute de Nino. Aos nove, Rafael foi obrigado a colocar para escanteio para evitar o gol dos baianos.

Aos 15, os cariocas mataram o jogo com um belo gol de Conca. Equi Gonzalez deu um ótimo passe para o gringo entre os zagueiros do Vitória. O argentino invadiu a área e chutou no ângulo para marcar o terceiro do Fluminense. Com o gol, a torcida incendiou o Maracanã e não parou mais de cantar, exaltando a possível permanência do time na Série A.

Com o resultado praticamente garantido, o técnico Cuca decidiu poupar o atacante Fred. Marquinho entrou em seu lugar. Mesmo sem o artilheiro, os mais de 55 mil tricolores que compareceram ao estádio seguiram incentivando a equipe, que tocava a bola para segurar o resultado e se desgastar o mínimo possível por conta do compromisso da próxima quarta-feira.

Aos 35, Adeílson arrancou em direção ao gol do Vitória e foi derrubado por Fábio Ferreira. Como já tinha cartão amarelo, o jogador foi expulso. Na cobrança de falta, Equi Gonzalez quase marcou o quarto gol. Com Magal de cabeça, os baianos quase diminuiram aos 41. A bola bateu no pé da trave de Rafael. Um minuto depois, Conca aproveitou um lance de Adeílson e fez o quarto.

No fim do jogo, os jogadores das duas equipes se meteram em uma confusão causada por Bida, do Vitória, e Maurício, do Fluminense. O árbitro mineiro Ricardo Marques Ribeiro expulsou Diguinho e Leandrão. Nada que atrapalhasse a festa tricolor. Agora, os tricolores terão duas decisões em uma semana.

Ficha técnica:


FLUMINENSE - Rafael, Mariano, Gum, Dalton e Dieguinho; Diogo (Maurício), Diguinho, Equi Gonzalez e Conca; Alan (Adeílson) e Fred (Marquinho). Técnico: Cuca.

VITÓRIA - Gleguer, Nino, Anderson Martins, Fábio Ferreira e Leandro; Vanderson (Willian), Magal, Leandro Domingues e Ramon (Bida); Neto Berola (Adriano) e Leandrão. Técnico: Vagner Mancini.

Gols: Alan, aos quatro, e Fred, aos cinco minutos do primeiro tempo; Conca, aos 15 e os 42 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Dalton (Flu); Fábio Ferreira (Vitória). Cartão vermelho: Diguinho (Flu); Fábio Ferreira e Leandrão(Vitória).

Estádio: Maracanã. Data: 29/11/2009. Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG). Auxiliares: Guilherme Dias Camilo (MG) e Jair Albano Felix (MG). Renda: R$ 557.642,00. Público: 52.408 pagantes.


g1


 
 
Untitled Document
 Deixar um comentário
Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
Fones: (77) 9 9962-1243 e 9 8827-5702
Editora Tribuna Popular LTDA - Avenida Presidente Castelo Branco, 96, Centro, Guanambi-Ba.