Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
NOTÍCIAS
Concursos
Copa do Mundo 2010
Política
Reportagem Especial
Policial
Regional
Estadual
Nacional
O Mundo
Economia
Educação
Meio Ambiente
Saúde
Esporte
Local
CANAIS
Alto Astral
Turismo
Reflexão
Dicas e Truques
Editais
Artigos
Parábola
Telefones Úteis
Eventos
Horóscopo
Culinária
Poesias
Piadas
Aniversariantes
Contas Públicas
LINK'S
Micks Informática
Vilson Nunes
Farol da Cidade
Joaquim José Show
Folha do Vale
Sudoeste Bahia
Blog Tiago Marques
Pref. de Guanambi
Alô Cidade
Lobo Mau
Blog do Latinha
Caetfest
Iguanambi
Twitter Trib.Popular
Face Tribuna Popular
REDEINTERSOFT.COM
a-Bahia.com
Portal Pindai
Portal Montes Claros
 
a a a
 
Sem dificuldades, Grêmio avança na Libertadores
 
Quinta, 14 de Maio de 2009  
 

Com gols de Jonas e do argentino Herrera, tricolor venceu novamente o San Martín e se classificou para as quartas de final com um placar agregado de 5 a 1

A chuva afastou o torcedor gremista do Olímpico, nesta quarta-feira. O futebol do Grêmio também ficou um pouco escondido entre as nuvens que rondaram o estádio. Mesmo assim, em uma atuação sem muito esforço, o Tricolor venceu o San Martín por 2 a 0, na partida de volta das oitavas de final da Libertadores. A vitória garantiu o avanço dos gaúchos na competição com um placar agregado de 5 a 1.

Na próxima fase, o Tricolor enfrentará o Caracas. As datas dos confrontos ainda estão indefinidas. O jogo de ida deverá ocorrer em 27 de junho, na Venezuela. Antes disso, o Grêmio entra em campo pelo Campeonato Brasileiro diante do Atlético-MG, em Belo Horizonte, no sábado.

O que o interino Marcelo Rospide queria aconteceu. Ele encerrou sua participação na Libertadores classificando a equipe às quartas de final. Agora, ele deverá comandar o time mais uma vez no Brasileirão e entregar o cargo, provavelmente para Paulo Autuori.

A vitória foi construída em uma partida pouco empolgante. O primeiro gol foi anotado por Jonas, que não balançava as redes desde 25 de março. No segundo tempo, Herrera entrou e conseguiu dar um gás na equipe. Como recompensa, ele marcou o segundo gol.


O jogo

No fim da tarde porto-alegrense o céu escureceu. Nuvens carregadas apareceram e uma forte chuva caiu na cidade. A precipitação deixou o gramado do Olímpico com pequenas poças, prejudicando a qualidade da partida. Por vezes a bola parava, em outras seguia seu rumo. Sua trajetória ficava imprevisível. Nessas condições, o Grêmio começou encontrando algumas dificuldades para se impor. O San Martin queria evitar uma goleada, cometendo faltas constantemente para parar os ataques gremistas.

Atuando mais adiantado, Tcheco apareceu bastante no jogo. Na primeira situação de gol, o capitão cobrou falta, mas Jonas falhou no domínio, deixando a bola ao alcance do goleiro. O único lance de perigo proporcionado pelos peruanos saiu em lance de velocidade de García, mas ao entrar na área, adiantou demais a bola, desperdiçando a oportunidade.

A jogada alertou os tricolores, que a partir de então controlou as ações até o intervalo. Já com o gramado mais seco, Jonas tinha espaço para jogar. Ele queria acabar com o seu jejum de sete partidas sem marcar. Aos 16 minutos teve mais uma oportunidade, mas seu chute parou nas pernas do arqueiro Butrón. No minuto seguinte, sua seca teve fim. Tcheco cruzou na cabeça do camisa 7, que se desvencilhou do marcador e cabeceou para as redes.

O atacante queria mais, após triangulação, ele recebeu, novamente, de Tcheco, e chutou cruzado, com a ponta dos dedos Butrón salvou. Diante de um oponente encolhido, o Tricolor criou mais uma oportunidade. Após escanteio, Thiego finalizou para fora, depois de um bate rebate na área de Los Albos. Os 15 minutos finais da primeira etapa foram de controle, mas esforço para os donos da casa. Souza arriscou de longe duas vezes para fora.

Com a classificação assegurada e a vitória na mão, o Grêmio cadenciou de mais no segundo tempo. O San Martin era mais insinuante. Porém, o time esbarrava na falta de qualidade dos jogadores. Com o avançar da etapa final, os anfitriões aumentaram o ritmo, entretanto nada que empolgasse os torcedores. Maxi López, Jadilson e Tcheco arriscaram, mas sem mira, os chutes iam pela linha de fundo.

O marasmo foi quebrado com a entrada de Herrera. Com a vontade habitual, o argentino aumentou a rotação da equipe gaúcha. A torcida acordou, quando seu compatriota, Maxi López, tocou de primeira, e ele acertou um forte chute. Era o 2 a 0, aos 29 minutos. O Olímpico finalmente acordava.

Não demorou muito para Herrera levar perigo novamente. Desta vez pelo alto, mas Butrón conseguiu evitar em boa defesa, que pouco adianto, pois o Grêmio já estava nas quartas de final da Libertadores.

FICHA TÉCNICA: GRÊMIO 2 X 0 SAN MARTÍN

Local: Estádio Olímpico, Porto Alegre (RS)
Data: 13 de maio de 2009, quarta-feira
Árbitro: Antonio Arias (Paraguai)
Assistentes: Milcíades Saldívar e César Franco (ambos do Paraguai)
Renda: R$ 466.964,00
Público: 23.239
Cartões amarelos: Carrillo e Ballón (SM)

GOLS: GRÊMIO: Jonas, aos 17 minutos do primeiro tempo, e Herrera, aos 29 minutos do segundo tempo

GRÊMIO: Victor; Willian Thiego (Túlio), Rever e Rafael Marques; Ruy, Adilson, Souza, Tcheco e Fábio Santos (Jadilson); Jonas (Herrera) e Maxi López
Técnico: Marcelo Rospide

SAN MARTÍN: Butrón; Huamán, Ramos, Reys e Ballón, Salas, Hinostroza, Carrillo e Díaz; Arzuaga (Pérez) e García (Allende)
Técnico: Victor Rivera

Gazeta Esportiva

 


 
 
Untitled Document
 Deixar um comentário
Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
Fones: (77) 9 9962-1243 e 9 8827-5702
Editora Tribuna Popular LTDA - Avenida Presidente Castelo Branco, 96, Centro, Guanambi-Ba.