Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
NOTÍCIAS
Concursos
Copa do Mundo 2010
Política
Reportagem Especial
Policial
Regional
Estadual
Nacional
O Mundo
Economia
Educação
Meio Ambiente
Saúde
Esporte
Local
CANAIS
Alto Astral
Turismo
Reflexão
Dicas e Truques
Editais
Artigos
Parábola
Telefones Úteis
Eventos
Horóscopo
Culinária
Poesias
Piadas
Aniversariantes
Contas Públicas
LINK'S
Micks Informática
Vilson Nunes
Farol da Cidade
Joaquim José Show
Folha do Vale
Sudoeste Bahia
Blog Tiago Marques
Pref. de Guanambi
Alô Cidade
Lobo Mau
Blog do Latinha
Caetfest
Iguanambi
Twitter Trib.Popular
Face Tribuna Popular
REDEINTERSOFT.COM
a-Bahia.com
Portal Pindai
Portal Montes Claros
 
a a a
 
A mídia televisiva e seus incentivos à ditadura da beleza
 
Terça, 07 de Setembro de 2010  
 

Nos últimos anos, a mídia, em suas inúmeras formas, alcançou um intenso desenvolvimento e, em alguns casos, chega a ser o único meio de informação a que as pessoas têm acesso. Assim, ela propaga ideologias, que influenciam as ações das pessoas. Atrelado a tal questão, nos dias atuais, a sociedade estabelece padrões de normalidade. Tais padrões são impostos às pessoas como requisitos de aceitação social. É nesse contexto que ocorre uma tendência excessiva de preocupação com o corpo e com padrões estéticos. Diante desse cenário, a mídia televisiva exerce um papel fundamental na reprodução desses padrões, na medida em que ela propaga os ideais corporais e estéticos a serem seguidos.

Para tanto, a mídia televisiva se utiliza de diversos representantes, dentre os quais se destacam, modelos, atores e atrizes. Eles, geralmente, exibem corpos esculturais, o que influencia as pessoas. Com isso, eles tornam - se o referencial de beleza da sociedade contemporânea. Contudo, essa ação não se limita aos aspectos corporais, mas também abrange as vestimentas e outros fatores. Por intermédio de suas novelas, series e programas, ela também exibe diversos tipos de roupas, cortes de cabelo e estilos. E, como a maior parte das pessoas não tem consciência dessa ideologia subjacente que é repassada pela mídia televisiva, a reproduz. Isto é, por meio de um processo inconsciente, na maior parte dos casos, as pessoas reproduzem as ideologias propagadas pela mídia.

Com a pretensão de atingir o padrão estético de beleza imposto pela mídia televisiva, as pessoas recorrem a diversos procedimentos, tais como: dietas de emagrecimento, cirurgias, tratamentos estéticos, etc. Além disso, elas reproduzem diversas vestimentas, cortes de cabelo e estilos. Tal situação ocorre a fim de conseguir a aceitação social. Em outras palavras, caso as pessoas não reproduzam esses ideais, elas são excluídas socialmente. Nesse sentido, os ideais de beleza disseminados pela mídia passam a funcionar como requisito de inserção social. Ou seja, um recurso de diferenciação e de status.

 

Silvio Profirio – Aluno do Curso de Letras da UFRPE
E – mail: silvio_profirio@yahoo.com.br


 
 
Untitled Document
 Deixar um comentário
Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
Fones: (77) 9 9962-1243 e 9 8827-5702
Editora Tribuna Popular LTDA - Avenida Presidente Castelo Branco, 96, Centro, Guanambi-Ba.