Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
NOTÍCIAS
Concursos
Copa do Mundo 2010
Política
Reportagem Especial
Policial
Regional
Estadual
Nacional
O Mundo
Economia
Educação
Meio Ambiente
Saúde
Esporte
Local
CANAIS
Alto Astral
Turismo
Reflexão
Dicas e Truques
Editais
Artigos
Parábola
Telefones Úteis
Eventos
Horóscopo
Culinária
Poesias
Piadas
Aniversariantes
Contas Públicas
LINK'S
Micks Informática
Vilson Nunes
Farol da Cidade
Joaquim José Show
Folha do Vale
Sudoeste Bahia
Blog Tiago Marques
Pref. de Guanambi
Alô Cidade
Lobo Mau
Blog do Latinha
Caetfest
Iguanambi
Twitter Trib.Popular
Face Tribuna Popular
REDEINTERSOFT.COM
a-Bahia.com
Portal Pindai
Portal Montes Claros
 
a a a
 
Múltiplas linguagens na sala de aula: o uso da Literatura de cordel como suporte didático
 
Terça, 20 de Julho de 2010  
 

A linguagem, em suas inúmeras formas, possibilita que os indivíduos interajam entre si e com meio social que os cerca, emitindo e recebendo mensagens, expressando suas idéias, etc. Ela pode ser: falada, escrita, mímica, cromática, plástica, musical e iconográfica. O desenvolvimento de diversos estudos lingüísticos propiciou o surgimento de inúmeras teorias sobre os mais diversos aspectos da linguagem, ou seja, suas inúmeras formas. Tudo isso contribuiu significativamente para deslocamento dos princípios norteadores do ensino nas mais diversas áreas do saber. A partir desse cenário, surgem as linguagens alternativas. Elas podem ser definidas como novas formas de apresentar conteúdos, tendo como base suportes variados, tais como: cinema, imagens, ilustrações, jogos, música, quadrinhos, teatro, diversos gêneros textuais, etc. Nos últimos anos, identifica-se a utilização de novos métodos e técnicas para o ensino, pautadas em diversas tecnologias, sejam elas contemporâneas ou tradicionais. Isto é, o uso de linguagens alternativas e novas formas de apresentar conteúdos. Dentre elas, destacamos aqui, a literatura de cordel, como linguagem alternativa para promover significado ao ensino.

A literatura de cordel consiste numa poesia de caráter popular, que originalmente era realizada apenas oralmente. Contudo, após alguns anos, ela passou a ser realizada de forma escrita ou impressa em folhetos. Seus versos são escritos em rimas e algumas vezes com ilustrações, que são hoje chamadas de xilogravuras. Um dos pontos mais relevantes acerca desse tipo de literatura que destacamos aqui é a sua relação com a perspectiva interdisciplinar. A interdisciplinaridade consiste na junção de componentes curriculares ou áreas de conhecimento diferentes, tendo como objetivo a construção do conhecimento conjunto. Entretanto, a interdisciplinaridade não se restringe apenas a junção de áreas de saber, mas também à prática de abordar conhecimentos que nascem da, ou que se voltam para a realidade do aluno. Dentro dessa perspectiva, a literatura de cordel consiste num recurso de comunicação popular, uma vez que aborda fatos do dia-a-dia das pessoas e, sobretudo, retrata aspectos culturais de determinada região. A cultura consiste em tudo que o homem faz, seja pensamento ou ação. Assim, a cultura retrata as mais diversas formas por meio das quais os homens se relacionam em seu meio social. Como, por exemplo, essa literatura propaga os aspectos folclóricos, na medida em que expõe diversos costumes, personagens (sejam eles imaginários ou reais), crenças, fábulas, histórias e tradições. E, para tanto, se utiliza de uma linguagem variada.

 Nos últimos anos, muitos professores têm recorrido a esse tipo de literatura, com vistas a conciliar fatores interdisciplinares e trabalhar temáticas transversais. E, acima de tudo, pelo fato desse tipo de literatura apresentar ao aluno outro recurso didático, além do livro didático. Diante desses aspectos, a utilização da literatura de cordel como suporte na aprendizagem do aluno representa a inserção de novas tendências didáticas no ensino. Tais tendências integram os mais diversos conteúdos escolares, com os aspectos culturais dos alunos. Nesse sentido, o uso da literatura de cordel no processo de ensino-aprendizagem representa a inserção de ações pedagógicas voltadas á construção do conhecimento de forma crítica e atrelado à realidade.

 

Silvio Profirio da Silva – Aluno do Curso de Licenciatura em Letras da UFRPE
E-mail: silvio_profirio@yahoo.com.br

 

 


 
 
Untitled Document
 Deixar um comentário
Jornal Tribuna Popular ::: Guanambi - BA :::
Fones: (77) 9 9962-1243 e 9 8827-5702
Editora Tribuna Popular LTDA - Avenida Presidente Castelo Branco, 96, Centro, Guanambi-Ba.